segunda-feira, 26 de dezembro de 2016

Legalização da maconha, você é contra ou a favor?





      Após 150 Militantes a favor e depois de 12 horas o Uruguai se tornou o primeiro País do mundo a produzir e liberar o Uso da maconha no Mundo, no qual pretende enfrentar o narcotráfico e a violência ligada às drogas evitando o mercado negro e o consumo entre os menores .

Antes o Uruguai havia liberado o aborto e o casamento dos Homossexuais tornando-se um precursor no contexto de leis de direito.  Alguns especialistas do assunto acreditam que a A liberação da maconha é uma " Resposta "  ao fracasso das guerras contra as drogas  Onde o consumo já não era descriminado mas a produção e comercialização, sim.

A droga será vendida em farmácias para consumidores cadastrados, e poderá levar no máximo 40 gramas por mês devendo provar que são maiores e moram no país  . A nova lei proíbe a cultivação da Maconha sem autorização com pena de 20 meses atê 10 anos de detenção. A  publicidade da droga será proibida

A oposição considerou a lei inconstitucional advertindo que ela só vai servir para aumentar o consumo da droga no Uruguai. Abaixo um breve relato sobre a história da Cannabis ...


Resultado de imagem para foto maconha

A.C Na China a  Maconha já foi usada como comida e na fabricação de tecidos.

2727 A.C
 Foi  realizado o primeiro registro da maconha  sendo utilizada pela medicina como fármaco para curar os mais diversos problema de saúde.

500 A.C
A erva é introduzida na Europa pelos bárbaros próximo a Berlim na Alemanha .

70
Na Roma antiga a maconha e mencionada como Medicamento.

170
Os efeitos psicológicos é mencionado na Roma antiga.

900- 1000
O ato de comer a maconha leva os estudiosos a debaterem os prós e contras da mesma

1220
Foi encontrada a monografia mais antiga sobre o haxixe.

1271 Foi feito o primeiro relato que deve repercussão por toda a Europa por Marco Polo .

1690
Entre a  Ásia e o Sul da Ásia o haxixe se torna a principal moeda de troca.

1937
 A América do norte torna a maconha ilegal em todos seus estados.

1967
produzem o primeiro óleo a base de haxixe na Califórnia .

1988
As Nações Unidas legalizam o uso medicinal  da maconha .

Não pretendo fazer apologias às drogas. Apenas trazer as informações corretas sobre fatos históricos e comprovados ...

Existe muita desinformação sobre a maconha! No início a proibição da maconha devido a desinformação foi incentivada mais nos aspectos políticos,econômicos  , morais do que científicos. Movidas por preconceitos raciais pois sues maiores usuários eram Chineses Árabes e negros.

Uns dos maiores motivos da proibição foi industrial, a maconha trazia prejuízo imenso as industriais de tecidos sintéticos e papel através do Cânhamo. Um Funcionário do governo Americano chamado Harry Aslinger foi o Principal motivo para a maconha ser proibida em praticamento todo o mundo ao inventar um falso relato na revista American Magazine  sobre  uma menina encontrada morta após ingerir haxixe em um prédio num apartamento em Chicago , mas a cena nunca aconteceu. Na primeira década do seculo xx a maconha era liberada mesmo sendo vista por maus olhos pela maioria das pessoas. No Brasil  ( A maconha era associada aos  negros e fumadas em terrenos de candomblé , na Europa era associada aos imigrantes Árabes e Indianos) Fumar maconha era visto com antipatia pelas classes média branca e relegado a classes ``marginalizadas ´´.

Muita gente não sabia que a economia dependia e muito da cannabis para produzir tecidos, remédios, papel etc. No ano de 1920 com a lei seca a  maconha teve seu auge nos EUA . Com a proibição do álcool sob pressão de grupos religiosos protestantes a cannabis tornava-se a solução mais cabível e acessível.

Com a crise de 1929 ocorreram vários boatos sobre a maconha que levaram a sua proibição. Alguns boatos relatavam que a droga dava sobre-humana  aos estrangeiros, incentivava  a promiscuidade e criminalidade e vários outros rumores que levaram a sua proibição. Nos anos vinte uma empresa Du Point foi a principal causadora da proibição da cannabis que via o cânhamo seu principal rival na comercialização de fibras sintéticas como o náilon e processos químicos como a produção de papel feito de madeira. Destruindo as imensas lavouras de cânhamos  e tirando do mercado seus produtos produzidos por ela como a fibra do cânhamo e o seu óleo de semente seria uma grande empurrão  para a sobremacia da Du Point que não teria rivais. Portanto a cannabis foi proibida no início por puros motivos comerciais sem nenhuma pesquisa séria sobre seus verdadeiros males que iremos falar logo em seguida . Com a queda do cânhamo o náilon não tinha concorrentes .

Outro ponto importante para a proibição da cannabis foi o William Randolph Hearst bilionário dono de uma rede de jornais que vez várias matérias sem nenhum comprovante científico para eliminar o cânhamo. Matéria relatando que a maconha vazia os mexicanos a estuprarem mulheres brancas, a maconha mata neurônios ( ainda sobre estudos ), noticiava que a maioria dos crimes eram incentivados pela cannabis, inventou o nome marijuana para associar a droga com os Mexicanos entre outras matérias sem  nenhum estudo cientifico. Abrindo mercado para seu comércio de eucalipto e outras arvores para produzir papel destruindo assim a indústria de papel de cânhamo.

Resultado de imagem para comercio de maconha


A discussão entre ser a favor ou contra a discriminação do uso da cannabis está longe de acabar . O certo que cada vez mais a cannabis é usada nos produtos medicinais. vale a pena não usar uma substancia seja lá qual for na produção de remédios que podem salvar vidas por preconceito sejam politicas ou comerciais ? Não estou votando a favor da cannabis! Na verdade minha opinião neste momento  é contra o seu uso e comércio que não seja monitorada para fins medicinais. vejamos alguns fatores e contra que podem ou não levar a liberação do uso da cannabis.

CONTRA:

A hipótese  que o Brasil pode virar rota para o consumo de drogas levando o aumento de visitas dos países vizinhos para o consumo da mesmo devido a fraca legislação do País .

Ninguém obriga alguém a fazer algo mas não podemos levar como base um a outro individuo em si. Portanto a liberação da maconha vai aumentar seu consumo podendo incentivar o uso de quem nunca experimentou a droga.

Sem mentalidade certa as pessoas poderiam consumir em demasia a cannabis que ficaria sem controle devido a falta de informação tornando seus consumidores em viciados compulsivos.

Comercialmente falando se os produtores parecem de produzir arroz feijão etc e passassem a produzir somente  a cannabis por puro motivo de plantar o que dá mais dinheiro ? O que seria da agricultura ?

Porta aberta para outras drogas. Com o tempo o organismo pode ficar imune e pedir drogas cada vez mais forte.

Entre muitas contras frisei somente estas mas existem muitas mas muitas outras.

A FAVOR

A proibição é uma violação do direito a individualidade do que se diz respeito à intimidade e a particularidade de cada individuo.

A discriminação evitaria milhares de assassinatos que possuem relações com a famigerada proibição, que ocorrem anualmente.

Bilhões são injetados nos cartéis de drogas Brasileiros. Dinheiro que poderia ser investido em regulamentação e na criação de uma legislação que ditasse o segmento de como cadenciaria o consumo individual levando a criação de um mecanismo de TRIBUTAÇÃO para tal.

Propriedade medicinais atribuídas à cannabis . Ela consegue diminuir dores de cabeça e dores pelo corpo. Atua contra o câncer ( não o seu uso enrolado num papel mas suas substâncias  em forma controlada usada   individualmente na produção de remédios controlados e medicados por médicos ).

EFEITOS DA MACONHA NO ORGANISMO :

Segundo alguns especialistas seu efeito pode variar de indivíduo para indivíduo dependendo  do seu estado físico e psicológico  e até mesmo em que ambiente ocorre o consumo e dependendo da dose . A Maconha promove a diminuição da atividade motora podendo chegar a um estado de sonolência. A reação pode ser  também  oposta levando a uma sensação de euforia e intensificação de euforia. Diminuição da temperatura e aumento do apetite. Alteração do Humor provocando relaxamento e calma quanto uma sensação de ansiedade e angústia.

Os estudos mostraram que no período de consumo de 10 anos os viciados mostraram apresentaram declínio da capacidade pulmonar. o uso controlado entre 7 anos causou menos danos aos pulmões que os consumidores de cigarros.

A maconha prejudica a memória a curto prazo , para um viciado que usa a droga a todo momento vai ter dificuldade de armazenar informatização . Depois de 28 dias sem usar a substância, as funções de memória e cogniçao voltam a ficar estabilizadas .

e você é contra ou a favor ? Vote na pesquisa ao lado quero conhecer suas opiniões ......

VÍDEO MOTIVACIONAL


6 comentários:

  1. Respostas
    1. Então foda-se. Porque você não elabora a sua posição?

      Sou absolutamente favorável, pois sou a favor do individuo e sua responsabilidade pessoal. Se não sou dono do meu corpo e da minha para fazer dele o que bem entende, vou ser dono de mais o que?

      Ninguém nunca morreu de fumar maconha. Fui, cadê o isqueiro demorou formar o bonde dos maconheiros.

      Excluir
  2. Quem e a favor são somente usuários , assim como são os mesmos que querem o casamento gay...se você julgam dono dos próprios corpos , então deveriam ter controle sobre os seus vícios...correto? Então seus maconheiros, vocês são livres no que tange a autonomia de seu corpo.ahhhh..quem fuma maconha e a favor de dar o cu, pois todo maconheiro e viado, pois se o seu rabo coçar de tesao devido a droga, vc vai dar devido ao vicio ou a sua vontade?

    ResponderExcluir
  3. Duvido muito que maconha faça mais mal que álcool e cigarro. Liberação já!

    ResponderExcluir